Trote é crime

O Corpo de Bombeiros Militar de MG alerta: passar trote para os órgãos de defesa social é crime!
Compartilhe
  • 11
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    11
    Shares

 

Se tem uma coisa que atrapalha e muito o trabalho dos Bombeiros é o trote. A brincadeira que não tem graça nenhuma, além de gerar muito prejuízo, pode causar demora em outro atendimento e comprometer o salvamento de quem realmente precisa.

De acordo com levantamento realizado pelo Centro Integrado de Informações de Defesa Social (CINDS), no ano de 2017, o Corpo de Bombeiros registrou 8.249 trotes telefônicos, sendo que 7.879 registros são de chamados de ocorrências que não existem. Em 2018, somente nos três primeiros meses do ano, foram registradas 1.822 ligações fraudulentas, tendo o Corpo de Bombeiros se deslocado para atender 1.772 ocorrências falsas.

E estes números poderiam ser maiores se não existisse um treinamento para que os teleatendentes aprendessem a filtrar as ligações.

Uma estimativa de prejuízo contabilizada nos primeiros meses do ano de 2018 dão conta de que o deslocamento de uma Auto bomba, com 4 militares, para atendimento a uma solicitação falsa de incêndio, por exemplo, pode custar cerca de R$ 500,00 a hora, considerando todos os recursos empregados como homens e equipamentos.

Um trote em que haja saída de uma Unidade de Resgate, com 3 militares, custa cerca de R$ 200,00 a hora. Já o emprego inadequado de um helicóptero, com 3 militares, pode chegar a R$6.000,00 a hora.

No entanto, existe um prejuízo que não pode ser mensurado. O deslocamento de uma viatura para uma falsa ocorrência pode resultar na morte de alguém que esteja precisando, de fato, de socorro. Por isso, é importante instruir e monitorar as crianças para evitar este tipo de brincadeira. Para os adultos que praticam tais infrações, vale o alerta de que existe uma lei em vigor, desde o ano de 2016, que gera multa de R$ 1.505,45 para quem for flagrado na irregularidade.

Compartilhe
  • 11
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    11
    Shares
avatar

Postado por Walter Viana

Radialista, técnico em rtv, blogueiro,aficionado por tecnologia e comunicação.

Deixe um comentário

avatar
  Se inscrever  
Notificação de