O PSL-SP lançou nesta quarta-feira (02/01) a candidatura do Major Olímpio à presidência do Senado. A candidatura é novidade e promete mudar o cenário da disputa, e foi planejado por Luciano Bivar, presidente do partido.

As eleições ocorrerão somente em fevereiro, mas as negociações vem sendo realizadas desde novembro do ano passado. Com essa estratégia o PSL pretende firmar suas raízes no governo, e enquanto apoia Rodrigo Maia (DEM-RJ), aguarda a saída de Eunício Oliveira (MDB-CE), que não conseguiu se reeleger.

O PSL quer evitar a reeleição de Renan Calheiros ( MDB-AL), que além de ser simpatizante do PT, está com o nome envolvido em processos de corrupção, além de evitar oposição ao partido no governo.

Em meio a tudo isso Marcelo Freixo (PSOL-RJ) se lança candidato à presidência da câmara em uma tentativa contra o apoio do PSL a Rodrigo Maia (DEM-RJ).

Freixo deixou claro que o foco é combater a agenda de Jair Bolsonaro.

Leia também

Secretários são anunciados por Zema

Romeu Zema anunciou os novos secretários em suas redes sociais.

Ministro da Educação é anunciado

Anúncio acaba de ser feito nas redes sociais do Presidente eleito

Bolsonaro governará o Brasil de fora para dentro?

As expectativas e especulações sobre o Governo de Jair Bolsonaro. As reações dos partidos e uma análise do que se pode esperar do novo governo Bolsonaro