Poços de Caldas-MG. Na tarde desta quinta-feira (03-01), em reunião com representantes de papelarias, o prefeito Sérgio Azevedo negociou com sucesso a distribuição do Kit Escolar, para alunos da rede pública de ensino.

Três das quatro papelarias que distribuem o kit escolar estarão realizando a distribuição. E, ao contrário do que foi divulgado, a Prefeitura não cancelou a distribuição, apenas, negociou de maneira razoável, tendo em vista a situação financeira do município. Ainda assim a Prefeitura aguarda o posicionamento da quarta papelaria.

Os Kits podem ser retirados nas papelarias Real, Karambolas e Brinquedão. Mães ou pais de alunos devem retirar os vales-kit nas escolas para ter acesso ao material.

“O principal é que nossos alunos não vão ser prejudicados”, ressaltou Sérgio. “Agradeço à sensibilidade que as papelarias tiveram nesse momento de dificuldade financeira em que o município se encontra”, concluiu o prefeito.

Os kits continuam a ser distribuídos nas seguintes papelarias:

– Brinquedão: R. Assis Figueiredo, 1309, centro

– Karambolas: avenida Eduardo Luciano Marras, 10, Cohab

– Real: rua Marechal Deodoro, 488, centro


Atualização (04/01) às 17:30.

A entrega dos kits escolares pelas papelarias credenciadas aos alunos da rede municipal continua normalmente. O prefeito Sérgio Azevedo resolveu o impasse com os proprietários das papelarias, que temiam não serem pagos devido ao estado de calamidade financeira no município causado pela falta de repasse de verba do governo estadual.

Agora, as quatro papelarias estão fornecendo o material escolar. Todo estudante da rede municipal, desde o berçário até o ensino para jovens e adultos (EJA), recebe o kit gratuitamente, sem necessidade de comprovação de renda.

Ao todo, estão sendo distribuídos cerca de 20 mil kits. Para ter acesso ao material, basta retirar o vale-educação nas escolas ou creches. Quem ainda não retirou deve procurar a secretaria da unidade de ensino da criança matriculada.

O investimento da Prefeitura no material escolar é de aproximadamente R$ 1,8 milhão. As papelarias serão pagas até o final do ano, por meio de um cronograma estendido, conforme acordo firmado ontem (3), entre o prefeito e os comerciantes.

Fonte: PMPC

Leia também

Obras de revitalização

Obras de revitalização da avenida João Pinheiro, prometem mudar o cenário da cidade. Uma breve análise de revitalizações realizadas no passado e um olhar com cautela para o futuro

Banda da lata promove XXII Natal sem fome

A Banda da lata e associação promovem a 22ª edição de amor, solidariedade, e respeito ao próximo, participe, e prestigie

Poços registra apreensão de gêneros alimentícios impróprio para consumo em rodovia

Já é o segundo registro em menos de 7 dias, de transporte de carga irregular. Itens alimentícios foram descartados e inutilizados no aterro sanitário.