quarta-feira, maio 22, 2019
Mundo

Grupo de Lima não reconhece governo Maduro

150views

O Grupo de Lima, foro multinacional empenhado em soluções para a crise na Venezuela, não reconhece a legitimidade na reeleição de Nicolas Maduro como presidente da Venezuela e recomendou a transferência do poder para o parlamento. O chanceler brasileiro Ernesto Araújo se manifestou em seu Twitter.

O grupo concorda ainda com possíveis sanções contra autoridades Venezuelanas. O grupo acatou a proposta do Brasil e um total de 13 países assumiram o compromisso de impedir a entrada de funcionários de alto escalão do regime em seus territórios. O congelamento de ativos baseados em listas específicas de pessoas físicas e jurídicas, comprometendo o relacionamento com organizações financeiras ( Bancos).

As informações foram divulgadas logo depois de uma reunião na capital peruana onde 14 chanceleres e representantes destes países estiveram presentes.

avatar
Radialista DRT 2292 MG, Técnico em manutenção de emissoras de rádio e tv. Apaixonado por tecnologia e aficionado por comunicação, mídia e jornalismo